quarta-feira, 10 de junho de 2009

As feridas do coração, assim como as do corpo, mesmo quando saram, deixam cicatrizes. As minhas vão ficar para sempre, e ainda existe muitas feridas para cicatrizar. Meu coração bate forte, ele esta frenético, ele luta para se recompor, ele quer estar inteiro de novo. Mais meu medo ainda permanece, tenho medo que as feridas abram novamente, e que mais uma vez me veja sem chão, catando os pedaços novamente do meu coração. Hoje percebi o quanto eu perdi. Tantos sonhos eu deixo para trás, e nunca ouvi meu coração. E hoje eu permaneço sem rumo, e sei que minha fé esta abalada, eu estou sem direção. Não sei mais nada.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget