quarta-feira, 16 de setembro de 2009

No lençol marcas de café derramado
Lembro bem das noites que eu não dormir
O cigarro se apagou
E você ainda não voltou.

Nossas roupas ainda estão espalhadas pelo chão.
O seu perfume ainda esta no travesseiro.
O som do seu sorriso, que alegrava meu coração
Hoje deu lugar a tristeza e solidão

Estou olhando o relógio
Lembrando das noites que te vi sorri pra mim.
Das fotos tiradas
Lembrando do fim

Por que você soltou a minha mão?
Por que fingiu que tudo foi em vão?
As lágrimas que caem, não valem mais nada
As lágrimas que caem, dizem que essa noite dançarei sem você.

O radio está tocando nossa musica, e eu estou cantando sozinha.
Esperando você voltar.
A porta do quarto está aberta, mais venha rápido
Talvez quando chegar, não estarei no mesmo lugar.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget